sexta-feira, 1 de maio de 2015

Lenda de churel

 
                                                                          Churel

Churel

Essa figura assustadora pertence ao folclore indiano, e suas histórias são contadas principalmente no norte do país. Um dos principais itens que identificam a presença da temida Churel é o seu grito ensurdecedor. Conta a lenda que ela foi uma mulher grávida que morreu e acabou dando à luz sob os sete palmos de seu túmulo.

O bebê de Churel teria sido fruto de um ato de violência sexual e, desde então, a mulher, mesmo morta, vaga pelas ruas à noite seduzindo homens e cortando seus pênis fora, sem a intenção de matar – pelo contrário: ela quer trazer uma vida cheia de muita dor a todos aqueles que se deixam seduzir por ela e seu visual fantasmagórico, sanguinário, doente e sombrio.

Churel tem os pés tortos e consegue andar tranquilamente em qualquer direção sem precisar virar todo o corpo. Quando está diante de suas vítimas, as hipnotiza com o olhar antes de desferir o golpe quase fatal. Depois de estar em total posse do pobre coitado da vez e de ter retirado o órgão sexual de quem se deixa seduzir por ela, Churel drena o sangue de sua “presa”, quase como se fosse um vampiro. E tem gente com medo do Saci...